Benedictine Secular Order of the Mission

A Ordem Secular dos Beneditinos Missionários da Caridade somos membros da Congregação Beneditina Inglesa, é uma união de ordens monásticas que, apesar disso, mantiveram sua autonomia interna, conforme estabelecido pelo Papa Leão XIII no "Summum sempre" (12 de julho de 1893), posteriormente aprovado por seus sucessores. Pio XII ordenou explicitamente que essa união fosse regulada por uma "lex própria", que foi posteriormente revisada pelo Concílio Vaticano II. Cada uma das diferentes congregações beneditinas gozam da mesma autonomia, o mesmo direito ao autogoverno que uma ordem religiosa. Cada um dos "ramos" da árvore genealógica beneditina é, portanto, autônomo é autossuficiente. Cada congregação respeita as outras; mas cada um representa uma faceta diferente da joia multifacetada que é o monaquismo beneditino, a OSBMC www.mccharity.org trabalhamos com assistência social, serviços humanitarios, área da saúde, educacional, somos devidamente reconhecidos pelas autoridades Americana e Brasileira, em plena comunhão com a Santa Igreja Católica Apostólica Romana, temos varias casas espalhadas pelo Brasil e no mundo trabalhando para os pobres e todos quantos nos procurarem, oficios de nosso trabalho foi enviado para o Núncio Apostólico no Brasil e o Cardial Arcebispo Primaz do Brasil, entramos com o pedido de registro junto ao CRB e estamos aguardando o fim do recesso para o nosso ingresso. Junto ao Congresso, Senado, e Presidência da República do Brasil somos reconhecidos e respeitados, Temos uma Santa Casa da Misericórdia e a OBASC ao qual prestamos serviços médicos e social a todos, somos membros da DESA ONU. Por exemplo, as abadias da Congregação Beneditina Inglesa freqüentemente administram escolas secundárias e paróquias. Os beneditinos ingleses, portanto, tendem a enfatizar a importância do sacerdócio monástico e entender o monaquismo como completamente compatível com o ensino médio e o serviço como pároco. Os monges beneditinos das congregações Solesmes (francês) e Beuronese (alemão), em contraste, geralmente não ensinam nas escolas ou servem como párocos. Procuram empreender trabalhos que não exijam a saída do claustro. Os monges da Congregação Internacional de St. Ottilien são missionários. As abadias das Congregações Beneditinas Americanas Cassinese e Suíço-Americanas freqüentemente administram seminários e universidades.